Volume 2, número 4


Esta publicação é licenciada pela Creative Commons
(CC BY-NC-SA 3.0)

Volume 2, número 4


Editorial

Editorial

Luciana Tricai Cavalini

DOI: 10.12957/jbrastele.2013.9560


Artigo Original

Tecnologias XML para a Interoperabilidade Semântica em Saúde: Referencial Teórico e Implementação

Luciana Tricai Cavalini
Arôvel Oliveira Moura Júnior
Pedro Monteiro Menezes
Timothy Wayne Cook

DOI: 10.12957/jbrastele.2013.9576

Resumo

Introdução e Objetivo: Descrever a implementação do Modelo de Referência das especificações Multilevel Healthcare Information Modeling (MLHIM) em tecnologias XML, bem como um conjunto de exemplos de conceitos de saúde gerados a partir do repositório do National Cancer Institute – Common Data Elements.

Material e Método: As especificações MLHIM adotaram XML Schema Definition 1.1 como base para a sua implementação de referência, uma vez que as tecnologias XML são consistentes em todas as plataformas e sistemas operacionais, apresentando ferramentas disponíveis para todas as linguagens de programação convencionais.

Resultados: Nas especificações MLHIM, a representação do conhecimento de saúde é definida pelo modelo de domínio, expressa em Concept Constraint Definitions (CCDs), que fornecem a interpretação semântica dos objetos persistidos de acordo com as os tipos genéricos do modelo de referência. O conjunto de CCDs foi a base para a simulação de instâncias de dados semanticamente coerentes, de acordo com validadores XML independentes, persistidos em um banco de dados XML.

Conclusões: Este trabalho mostra a viabilidade da adoção de tecnologias XML para a realização da interoperabilidade semântica em cenários reais de saúde, provendo os desenvolvedores de aplicativos com uma quantidade significativa de experiência acumulada e um vasto leque de ferramentas disponíveis.

Palavras-chaves: Troca de Informações, Registros Eletrônicos de Saúde, Software Design

Abstract

Introdução e Objetivo: To report the implementation of the MLHIM Reference Model in XML Schema Definition language version 1.1 as well as a set of examples of healthcare concepts generated from the National Cancer Institute – Common Data Elements (NCI CDE) repository.

Material e Método: The Multilevel Healthcare Information Modeling (MLHIM) specifications have adopted the XML Schema Definition 1.1 as the basis for its reference implementation, since XML technologies are consistent across all platforms and operating systems, with tools available for all mainstream programming languages.

Resultados: In the MLHIM specifications, the healthcare knowledge representation is defined by the Domain Model, expressed as Concept Constraint Definitions (CCDs), which provide the semantic interpretation of the objects persisted according to the generic Reference Model classes. The set of CCDs was the base for the simulation of semantically coherent data instances, according to independent XML validators, persisted on an XML database.

Conclusões: This paper shows the feasibility of adopting XML technologies for the achievement of semantic interoperability in real healthcare scenarios, by providing application developers with a significant amount of industry experience and a wide array of tools through XML technologies.

Keywords: Information Exchange, Electronic Health Records, Desenho de Programas de Computador

Usabilidade da telemedicina como uma plataforma de ensino colaborativo para estudantes de medicina

Ana Cáudia Costa Arantes
Aline Teodósio dos Santos Cardozo
Leonardo Frajhof
Soeli T. Fiorini

DOI: 10.12957/jbrastele.2013.9561

Resumo

Introdução e Objetivo: Uma das características fundamentais da tecnologia da informação é a versatilidade. Dessa forma é possível elaborar programas educacionais utilizando esse tipo de tecnologia, mais especificamente a telemedicina. Este artigo relata o desenvolvimento de duas ferramentas de ensino-aprendizagem intituladas “Youknow” e “SANA” e descreve a experiência de professores e alunos de medicina com essas novas metodologias de ensino.

Material e Método: Realizada na Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro- UNIRIO, no Hospital Universitário Gaffrée Guinle, a experiência com as ferramentas contou com a participação das alunas do 3º ano de graduação de medicina, cursando a disciplina de clinica médica, que por sua vez define a entrada dos estudantes na rotina hospitalar.

Resultados: As novas tecnologias da informação descritas ao longo do artigo buscaram o diálogo aberto entre professor-aluno e comunidade medica, desenvolvendo uma forma colaborativa de ensino-aprendizagem entre docentes e discentes.

Conclusões: A partir dessa experiência considerou se viável a utilização da telemedicina como base para criar ferramentas de ensino-aprendizagem para alunos e professores da graduação de medicina, pois além de afastar da tradicional metodologia de ensino, arcaica e hierárquica, fomenta a autonomia dos alunos e incentiva as relações inter e intrapessoais entre alunos, médicos, professores e comunidade.

Palavras-chaves: telemedicina, usabilidade, colaboração, e-health, ensino-aprendizagem

Abstract

Introdução e Objetivo: One of the fundamental characteristics of information technology is its versatility. Because of that, it is possible to develop educational programs using this type of technology, specifically telemedicine. This article reports the development of two teaching and learning tools entitled " Youknow " and " SANA " and describes the experience of teachers and medical students in these new teaching methodologies.

Material e Método: Held at the Federal University of the State of Rio de Janeiro - UNIRIO, in the University Hospital Gaffrée Guinle, this experience was leaded by 3rd year students of medical school, attending the course of medical practice, which in turn defines the entry of students in the hospital routine.

Resultados: The new information technologies described throughout the article sought free dialogue between teacher -student and medical community, developing a collaborative form of teaching and learning among teachers and students.

Conclusões: From this experience, it was considered feasible to use telemedicine as a basis to create teaching and learning tools for students and teachers of undergraduate medicine, as well as away from the traditional teaching methodology, archaic and hierarchical, fosters student´s autonomy and encourages inter and intrapersonal relationships among students, doctors, teachers and community.

Keywords: eHealth, collaboration, learning, usability, telemedicine

Uma técnica baseada em imagens para correção da postura de pacientes na aquisição de termografias

Denival Araujo dos Santos
Leandro A.F. Fernandes

DOI: 10.12957/jbrastele.2013.9563

Resumo

Introdução e Objetivo: Este trabalho apresenta uma técnica desenvolvida para auxiliar no processo de captura de imagens térmicas de mama, na posição de captura T2 modificada, para diagnóstico de câncer de mama.

Material e Método: No desenvolvimento da técnica contamos com 49 termografias adquiridas na posição de captura T2 do banco de dados da Universidade Federal Fluminense. Destas, 32 foram capturadas sob a utilização de protocolo de captura estático e 17 de dinâmico com ventilação e álcool.

Resultados: Para validação dos resultados, utilizamos um software de segmentação de mama, desenvolvido pela UFF, que considera como postura correta quando se consegue extrair a ROI. Em 42 imagens (85,71%) conseguimos resultados iguais entre as duas abordagens, com diferença em apenas 7 imagens (14,29%).

Conclusões: A técnica mostrou-se robusta na verificação, para correção, da postura de pacientes que são submetidos a exames de termografia, o que possibilita, a partir da postura correta, um melhor imageamento das estruturas da mama que sejam úteis para diagnósticos médicos mais precisos, além de auxiliar métodos de diagnóstico assistido por computador.

Palavras-chaves: Posicionamento, imagens térmicas, extração de ROI

Abstract

Introdução e Objetivo: This paper presents a technique developed to assist in the thermal imaging breast procedure in the Capture T2 position modified for diagnosis of breast cancer.

Material e Método: In the development of the technique we rely on acquired 49 thermography capture T2 database Universidade Federal Fluminense position. Of these 32 were captured using static protocol capture and ventilation with 17 dynamic and alcohol.

Resultados: To validate the results we use a software segmentation breast UFF developed by considering how correct posture when you can extract the ROI. In 42 images (85.71%) got similar results between the two approaches are different in only 7 images (14.29%).

Conclusões: The technique proved to be robust in check, correction of the posture of patients who are submitted to thermography exams, enabling the correct posture from a better imaging of the breast structures that are useful for more accurate medical diagnoses, and auxiliary methods of computer-aided diagnosis.

Keywords: Posture, thermal imaging, ROI extraction

Uma Arquitetura para Troca de Mensagens no Cuidado de Saúde Pervasivo baseada no Uso de Agentes Inteligentes

João Luís Cardoso de Moraes
Wanderley Lopes de Souza
Luís Ferreira Pires
Luciana Tricai Cavalini
Antônio Francisco do Prado

DOI: 10.12957/jbrastele.2013.9564

Resumo

Introdução e Objetivo: Este trabalho propõe uma arquitetura para a troca de mensagens ciente de contexto em ambientes de Cuidado de Saúde Pervasivo.

Material e Método: No Cuidado de Saúde Pervasivo, novas tecnologias de informação e comunicação são aplicadas para apoiar a prestação de serviços de saúde em qualquer lugar, a qualquer momento e a qualquer pessoa. Tecnologias de Computação Ubíqua possibilitam a troca de informação eficiente e segura entre cuidadores de saúde e seus pacientes em hospitais, lares e comunidades. Uma vez que os sistemas de informação de saúde disponibilizam os registros de saúde em vários formatos eletrônicos, a Fundação openEHR propôs um modelo dual para garantir a interoperabilidade semântica entre esses sistemas. Agente Inteligente é uma tecnologia que foi aplicada para simular habilidades humanas em procedimentos de saúde.

Resultados: Esta arquitetura foi demonstrada e avaliada em um experimento controlado que foi realizado no departamento de Cardiologia de um hospital localizado na cidade de Marília (São Paulo, Brasil).

Conclusões: Um aplicativo foi desenvolvido para avaliar essa arquitetura, e os resultados mostraram que a arquitetura é apropriada para facilitar o desenvolvimento de sistemas informação de saúde, fornecendo recursos genéricos e uma poderosa solução para integração destes sistemas.

Palavras-chaves: Cuidado de Saúde Pervasivo, Agentes Inteligentes, Computação Ubíqua, openEHR, Arquétipos, Modelo BDI

Abstract

Introdução e Objetivo: This paper proposes an architecture for the exchange of context-aware messages in Pervasive Healthcare environments.

Material e Método: In Pervasive Healthcare, novel information and communication technologies are applied to support the provision of health services anywhere, at anytime, and to anyone. Ubiquitous Computing technologies allow efficient and safe information exchange amongst caregivers and their patients in communities, homes and hospitals. Since health systems may offer their health records in various electronic formats, the openEHR foundation has proposed a dual model to achieve semantic interoperability between such systems. Intelligent Agents is a technology that has been applied to simulate human skills in healthcare procedures. This architecture is based on technologies from Ubiquitous Computing and Intelligent Agents, and complies with the openEHR dual model.

Resultados: This architecture was demonstrated and evaluated in a controlled experiment that we conducted in the cardiology department of a hospital located in the city of Marília (São Paulo, Brazil).

Conclusões: An application was developed to evaluate this architecture, and the results showed that the architecture is suitable for facilitating the development of healthcare systems by offering generic resources and powerful solution to integrate these systems.

Keywords: Pervasive Healthcare, Intelligent Agents, Ubiquitous Computing, openEHR, Archetypes, BDI architecture

Uma Abordagem para o Desenvolvimento de Aplicações no Cuidado de Saúde Pervasivo através do uso de Arquétipos

João Luís Cardoso de Moraes
Wanderley lopes de Souza
Luís Ferreira Pires
Luciana Tricai Cavalini
Antônio Francisco do Prado

DOI: 10.12957/jbrastele.2013.9566

Resumo

Introdução e Objetivo: Este trabalho propõe uma abordagem para o desenvolvimento de aplicações no ambiente de Cuidado de Saúde Pervasivo, através do uso de arquétipos.

Material e Método: O Cuidado de Saúde Pervasivo foca o uso de novas tecnologias, ferramentas e serviços, para ajudar os pacientes a ter um papel mais ativo no tratamento de suas condições. Ambientes de Cuidado de Saúde Pervasivo exigem uma grande de troca de informações, e tecnologias específicas têm sido propostas para prover interoperabilidade entre os sistemas que compõem tais ambientes. No entanto, a complexidade dessas tecnologias faz com que seja difícil adotá-las amplamente, bem como migrar Ambientes de Cuidado de Saúde centralizados para Ambientes de Cuidado de Saúde Pervasivo.

Resultados: A abordagem foi demonstrada e avaliada em um experimento controlado realizado no departamento de cardiologia de um hospital localizado na cidade de Marília (São Paulo, Brasil).

Conclusões: Um aplicativo foi desenvolvido para avaliar a abordagem, e os resultados mostraram que a abordagem é adequada para facilitar o desenvolvimento de sistemas de cuidado de saúde, oferecendo soluções de abordagem genéricas e poderosas.

Palavras-chaves: Cuidado de Saúde Pervasivo, Computação Ubíqua, openEHR, Arquétipos, Linguagem Específica de Domínio

Abstract

Introdução e Objetivo: This paper proposes an approach to develop applications in the Pervasive Healthcare environment, through the use of Archetypes.

Material e Método: Pervasive Healthcare focuses on the use of new technologies, tools, and services, to help patients to play a more active role in the treatment of their conditions. Pervasive Healthcare environments demand a huge amount of information exchange, and specific technologies have been proposed to provide interoperability between the systems that comprise such environments. However, the complexity of these technologies makes it difficult to fully adopt them and to migrate Centered Healthcare Environments to Pervasive Healthcare Environments.

Resultados: This approach was demonstrated and evaluated in a controlled experiment that we conducted in the cardiology department of a hospital located in the city of Marília (São Paulo, Brazil).

Conclusões: An application was developed to evaluate this approach, and the results showed that the approach is suitable for facilitating the development of healthcare systems by offering generic and powerful approach capabilities.

Keywords: Pervasive Healthcare, Ubiquitous Computing, openEHR, Archetypes, Domain Specific Language.


Artigos de Revisão

Os Registros Eletrônicos em Saúde e seus Potenciais Impactos no Campo da Saúde Pública

Luciana Tricai Cavalini
Nathália Cristina Laurindo de Oliveira Ahiadzro
Timothy Wayne Cook

DOI: 10.12957/jbrastele.2013.9567

Resumo

Os Registros Eletrônicos em Saúde (RES) têm sido incorporados de forma crescente aos serviços de saúde, em escala global. O uso de dados provenientes de RES para a pesquisa e a prática em saúde pública ainda é incipiente, em comparação com os métodos tradicionais de coleta e processamento de dados, através de inquéritos e notificação de casos. Existe um potencial ainda inexplorado de adoção dos RES como um instrumento metodológico para o campo da saúde pública, o que depende da superação de diversos desafios tecnológicos sendo atualmente enfrentados pela área de informática em saúde. O presente artigo tem como objetivo realizar uma revisão crítica sobre tema dos RES e seu potencial impacto no campo da saúde pública, incluindo uma descrição das dimensões e processos relacionados aos desafios a serem enfrentados para adoção efetiva dos RES como um instrumento válido para uso na pesquisa e na prática em saúde pública. As soluções disponíveis para tais desafios são apresentadas, com foco nos padrões da área de informática em saúde que se relacionam aos requisitos de informação em saúde específicos do campo da saúde pública.

Palavras-chaves: Registros Eletrônicos de Saúde, Informática em Saúde Pública, Vigilância em Saúde Pública

Abstract

Electronic Health Records (EHR) have been increasingly incorporated to healthcare services on a global scale. Using data from EHRs for the research and the practice in public health is still incipient, as compared to traditional methods of data collection and processing through surveys and case reporting. There is an untapped potential for the adoption of EHRs as a methodological tool in the public health field, which depends on the overcoming of several technological challenges currently being faced by the field of health informatics. This paper aims to conduct a critical review on the theme of EHRs and their potential impact on public health, including a description of the dimensions and processes related to the challenges to be faced for the effective application of EHRs as valid instruments for use in public health research and practice. Available solutions for such challenges are presented, focusing on healthcare informatics standards that are associated to the specific requirements health information for the public health field.

Keywords: Electronic Health Records, Public Health Informatics, Public Health Surveillance

Uso de ontologias para a manipulação de imagens relacionadas ao câncer de mama

Cassia Isac
Victor Röhsig
José Viterbo Filho
Aura Conci

DOI: 10.12957/jbrastele.2013.9568

Resumo

Em um cenário no qual é crescente a quantidade de fontes de dados disponíveis, a Web Semântica vem desempenhando um papel fundamental para o compartilhamento, recuperação, seleção e combinação de dados armazenados nos mais variados formatos. O armazenamento e recuperação de imagens médicas também se beneficia da aplicação destas tecnologias. Neste trabalho apresentamos um estudo sistemático de trabalhos que utilizam ontologias como ferramenta para a manipulação em imagens médicas relacionadas ao câncer de mama, descrevendo as principais características de sistemas que as utilizam.

Palavras-chaves: ontologia, câncer de mama, imagens médicas

Abstract

In a scenario in which there is a growing amount of available data sources, the Semantic Web has played a key role in the sharing, retrieval, selection and combination of data stored in various formats. The storage and retrieval of medical images also benefits from the application of these technologies. In this work we present a systematic study of works that use ontologies as a tool for manipulating medical images related to breast cancer, describing the main characteristics of systems that use such tool.

Keywords: ontology, breast cancer, medical images


Relatos de Experiências

Uma Abordagem para Troca de Mensagens Usando Arquétipos

João Luís Cardoso de Moraes
Wanderley Lopes de Souza
Luciana Tricai Cavalini
Luís Ferreira Pires
Antônio Francisco do Prado

DOI: 10.12957/jbrastele.2013.9569

Resumo

A aplicação das TICs na área de cuidado de saúde, conhecida como e-Health, pode facilitar o acesso aos serviços de cuidado de saúde e só será aceitável se permitir a troca de informação eficiente e segura entre os cuidadores de saúde e pacientes. O objetivo deste trabalho é apresentar uma abordagem para troca de mensagens em cenários realísticos.

Palavras-chaves: Arquétipos, openEHR, Interoperabilidade Semântica

Abstract

The application of ICT in healthcare sector activities, known as e-Health, can simplify the access to healthcare services and will only be acceptable for realistic scenarios if it supports efficient and secure information exchange amongst the caregivers and their patients. The aim of this paper is to present an approach for message exchange to realistic scenarios.

Keywords: Archetypes, openEHR, Semantic Interoperability

Teste de Arquétipos

Alex Mateus Porn
Leticia Mara Peres

DOI: 10.12957/jbrastele.2013.9570

Resumo

O aumento da interoperabilidade entre sistemas de informação em saúde é possível utilizando o padrão de modelagem openEHR. Para verificar a corretude de arquétipos nesse padrão, este trabalho propõe-se convertê-los em ontologias OWL e realizar o teste de mutação. Assim, pretende-se revelar defeitos na modelagem do domínio antes de sua integração com outros sistemas.

Palavras-chaves: Arquétipos, ADL, ontologias, OWL, teste de mutação.

Abstract

Increasing interoperability among health information systems is possible using openEHR standard modeling. In this work it is proposed to convert this pattern archetypes into OWL ontologies and perform mutation testing, to verify their correctness. Thus, we intend to reveal defects in the modeling domain before its integration with other systems.

Keywords: Archetypes, ADL, ontologies, OWL, mutation testing.


Resumo de Teses

Sistema de Apoio à Decisão aplicado ao Diagnóstico de Demência, Doença de Alzheimer e Transtorno Cognitivo Leve

Flavio Luiz Seixas
Aura Conci
Debora Christina Muchaluat Saade

DOI: 10.12957/jbrastele.2013.9572

Resumo

Esta tese de doutorado apresenta a modelagem e desenvolvimento de um sistema de apoio à decisão clínica, aplicado ao diagnóstico de Demência, Doença de Alzheimer e Transtorno Cognitivo Leve. O modelo de decisão foi construído com base em uma rede Bayesiana com estrutura definida pelo especialista do domínio da doença e parâmetros estimados de casos clínicos de pacientes.

Palavras-chaves: Demência, Doença de Alzheimer, Transtorno Cognitivo Leve, Sistema de Suporte à Decisão, Diagnóstico, Rede Bayesiana

Abstract

Our doctoral dissertation shows a decision support system for diagnosis of Dementia, Alzheimer’s Disease and Mild Cognitive Disorder. The decision model was based on a Bayesian network, which its structure was built with support from disease domain experts and its parameters estimated from a real patient cases.

Keywords: Dementia, Alzheimer’s Disease, Mild Cognitive Disorder, Decision Support System, Diagnosis, Bayesian Network

Modelagem dos Conceitos Associados à Notificação Compulsória de Maus Tratos Contra Crianças e Adolescentes

Michele Mariana Vieira Ferreira Santos
Luciana Tricai Cavalini

DOI: 10.12957/jbrastele.2013.9573

Resumo

A presente dissertação foi defendida no Mestrado Profissional em Saúde Materno-Infantil da Universidade Federal Fluminense (UFF). O objetivo do projeto foi modelar os conceitos da Ficha de Notificação Compulsória de Maus Tratos contra Crianças e Adolescentes, como base para o desenvolvimento de um sistema computadorizado de monitoramento da ocorrência deste tipo de violência, de acordo com as especificações openEHR.

Palavras-chaves: Registros Eletrônicos de Saúde, Notificação Compulsória, Maus-Tratos Infantis

Abstract

This MSc thesis was defended at the Professional Masters Course in Maternal and Child Health at the Fluminense Federal University (UFF), aiming the modelling of concepts related to the Children and Teenager Abuse Reporting Form as a basis for the development of an application for monitoring the occurrence of such type of violence, according to the openEHR specifications.

Keywords: Electronic Health Records, Mandatory Reporting, Child Abuse

Modelagem multinível dos conceitos da classificação internacional para a prática de enfermagem associada ao estado funcional do idoso

Joyce Rocha de Matos Nogueira
Luciana Tricai Cavalini

DOI: 10.12957/jbrastele.2013.9574

Resumo

Os termos do Catálogo Nursing Outcomes Indicators da Classificação Internacional para a Prática de Enfermagem foram mapeados para arquétipos openEHR disponíveis no Clinical Knowledge Manager. O conceito de Estado Funcional permitiu o uso direto do arquétipo "Barthel Index" para parte de seus termos, demonstrando viabilidade de mapeamento entre terminologias de enfermagem e os modelos de dados das especificações openEHR.

Palavras-chaves: Sistemas de Informação, Informática em Enfermagem, Terminologia

Abstract

The Catalog Nursing Outcomes Indicators’ terms of the International Classification for Nursing Practice were mapped to openEHR archetypes available in Clinical Knowledge Manager. The concept of Functional Status allowed the direct use of the archetype "Barthel Index" for part of its terms, demonstrating the feasibility of mapping between nursing terminologies and data models of openEHR specifications.

Keywords: Information Systems, Nursing Informatics, Terminology